terça-feira, 18 de dezembro de 2012

Obama apoia a iniciativa de proibir a venda de armas nos EUA. ( Seguindo o protocolo )


Presidente dos EUA, Barack Obama, manifestou apoio à iniciativa de repensar a proibição de vendas de armas para o país.

 Está prevista para começar projeto de lei debatido pelos legisladores na criação do novo Congresso a partir de janeiro próximo.

O senador democrata Dianne Feinstein  propôs o projeto de lei, em resposta ao massacre no Newtown, em Connecticut, que deixou 28 mortos, incluindo 20 crianças. O atacante  Adam Lanza  usou um rifle Bushmaster 223 semi-automática e duas pistolas semi-automáticas, uma Glock e uma Sig Sauer, para cometer o assassinato.

"Eles querem proibir a venda, transferência, importação e posse." não é retroativa, mas prospectivamente ", disse Feinstein  

EUA é o país com a  maior posse de armas civis , com entre 270 e 300 milhões de unidades em mãos privadas, segundo a ONU, um número que a Associação Nacional do Rifle arrecada mais 300 milhões.
Fonte: RT

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário